quinta-feira, 22 de outubro de 2009

- apenas resolvo me perder.

- e nas linhas que você me escreve, sempre entregues na despedida, me perco totalmente em ti. Esqueço de mim e do que sou quando estou só, pra me juntar à você e deixar que o sorriso brote do meu rosto sem mesmo perceber, na tentativa de te fazer feliz e arrancar todo o brilho que seus olhos podem produzir. Pareço apaixonado mas ainda uso a razão, um pouco dela e só, na dose certa pra nos proteger do mundo e pra te proteger de mim. Machucar você seria como arrancar pedaços grandes de mim, pedaços que farão falta por me deixarem incompleto, vazio e sem cor. Te roubei a inocência cuidadosamente e te entreguei o que sou mesmo com todas as impurezas que possuo e pra ser sincero, gosto do que fiz por ser a realidade. Não te vejo sempre, não te abraço sempre mas te sinto todas as vezes que fecho os olhos e deixo que meus pensamentos sigam um caminho reto até você sem nem mesmo eu pedir pra que eles façam isso. A distração parece mais legal quando nela encontro o sorriso que me encanta, a timidez que me aperta, a força que me toma e aquele beijo que me rouba. Pra viver de sonhos é necessário dormir, pra viver de você é preciso acordar. Acordado ficarei até que me tome do espaço, me leve pro teu mundo e de lá não me deixe mais sair. Do que já vivi, o sentimento que você me dá.

4 comentários:

Diana M. disse...

Tão eu essas palavras, nem imagina o quanto.

Ana disse...

Às vezes alguns sentimentos não nos dão opção, deixam nossos pensamentos e nossas atitudes involuntários a ponto de acharmos que não mais somos nós.

Bobagem.

É tudo uma coisa só.

Taw disse...

hehe... ter razão sempre não é coisa humana...

:-p

LucianaBraga disse...

é tão bom, ficar perdido dentro disso, do amor, setimeto, desejo, paixão, mundo de quem se ama, a entrega é um dom, o ensiamento é visivel, aprender é consequência; e quando é amor mesmo, vs sente o medo da mágua pelo outro pra sempre, porque você reza e sofre e pede e implora que doa em você unca no seu amor. Não existe eu, existe nós, eu e você, não há como ser diferente. Você escreveu, mas mais parece que você leu algumas almas, inclusive a minha! é sempre bom vir aqui e ler o que vs escreve. bgs ;*