quarta-feira, 3 de junho de 2009

- quero que sinta.

- Não pense mais no que se passou, venha comigo, vamos caminhar até a praia. Não sofra mais, vamos sentar ali no banco da praça pra eu te mostrar o meu melhor sorriso. Calma, vá com calma e me conte seus segredos. Deite-se aqui, pegue meu colo pra você e faça dele seu melhor abrigo. Deixa eu te proteger, cuidar de você com todo o carinho que transborda quando te vejo assim. Fique, quero te olhar enquanto o sol desaparece. Fique, que o amor já nasceu. Fique, porque hoje quero ser apenas seu.

5 comentários:

Myÿ h disse...

Adorei o texto, muito liindo mesmo! Parabéns, vc escreve muito bem! :)

Gostei muito do blog, estarei te acompanhando! :*

mais um garoto malvado disse...

entrega-te

• ℓσggαη ℓєє • disse...

• Seu texto que mais gostei até agora (L)

Darlan disse...

Logo no início lembrei de "Me dê a mão, vamos sair pra ver o sol...", musiquinha boa. Mas então, adorei o texto! E até identifico algumas semelhanças com minha escrita, o que pra mim é um priovilégio e uma falta de modéstia de minha parte, já que você escreve muito bem! rs

Abraço!

Allan Machado disse...

:)