segunda-feira, 8 de junho de 2009

- contou 3.

- eram pequenos pedaços espalhados pelo chão junto com um pequeno desespero de não mais saber montar. Toda peça era importante e misturadas não faziam sentido. Juntas, eram TODO o sentido. O desespero ainda batia, mas ajoelhou-se no chão e foi pegando cada pedacinho com todo cuidado, com todo carinho e foi sentindo o que ali estava guardado. Era irreal a sensação, era diferente, era gostosa, mas amedrontava. Encontrava-se ali cada palavra dita, cada gesto dado e recebido, cada sonho construído, cada briga consertada com pequenos beijos. Era uma vida, ou parte dela, numa história que chegara ao fim. As árvores juntas com o vento embalavam a canção do momento em pequenos sussurros, os olhos estavam marejados e começavam a ficar vermelhos e o coração apenas acelerava. Conseguiu enxergar o coração com as iniciais feitas naquela árvore solitária no parque perto do lago que refletia o sol, que queimava todo o amor que um dia sentira. O gosto vinha lentamente com toda memória, a pele arrepiava e uma voz dizia que estava tudo terminado. Contou Um e o vento pela janela passava e levava cada pedacinho com ele. Contou Dois e um pequeno sorriso saiu da sua boca com a sensação de alívio e de já ter vivido um grande amor. Contou Três, levantou-se do chão do seu quarto e foi viver. Longe do seu baú foi apenas viver.

7 comentários:

Darlan disse...

Realmente e sinceramente gosto muito do que escreve! Há algo que prende, que torna a leitura dinâmica... E o texto é lindo, uma lição a ser aprendida por aqueles que vivem de memórias somente. É preciso viver, fechar o baú. Enfim, ótimo texto! Abraços!

Myÿ h disse...

Lindo esse texto *-*
Demorei tanto pra aprender que 'fechar o baú' é a melhor escolha, mas em compensação, ganhei o melhor presente do mundo depois que aprendi isso... e estou até hoje e pretendo estar para sempre com esse presente *-*

Realmente gosto muito dos seus textos, são realmente muito bons! Parabéns!

Beijo :*

Taw disse...

até breve.

-.-

Maria Luísa disse...

queria ter essas coragem ^^

kem sabe um dia eu vá e viva, e conte até três XD

Myÿ h disse...

Tem um selo para você no meu blog :*

Déia disse...

Adorei!! Parabens!

Ana Torres. disse...

Eu simplismente amei aqui, adorei o texto, adorei o blog por completo.
Estou te seguindo. Bjs :*